Brasília é Luísa

brasilia é luísa
pra dor de cotovelo
cânfora e babosa
30 indiozinhos botando banca e
urucubaca no Advogado Geral
(vai passar!)
leste oeste vai ficando pinel

pra dor de cotovelo, devir
contra pistoleiro
em caso de gelo, ponha dor

chove mas
você taí
as florzinhas crescem
as florzinhas crescem e eu não sei bem
onde tô –
eu precisava olhar a cidade de cima.

eu tô perdido
no setor de mansões isoladas
no setor de mansões isoladas
luísa eu tô perdido procurando você
morena que dá o tom
que quando aperta faz fom-fom
vem, vamos sair
chama a leonor
não deixa a porta aberta
é inverno em minha vida
vê se não vai embora

lua de cetim
tempo quente, amendoim
dia de vadiar
vagabundear
de tudo adiar
se deliciar
deito no capim
que preguiça
de mim!

vê se não vai embora 🙁

(olha pra trás, eu tô aqui no meio
dos teus bichinhos
tô com as tuas sandálias que você largou no viaduto.)

vai caindo um toró
e eu fico tão só.

*

(arrastão de:
itamar assumpção, totonho & os cabra, jorge ben, francis hime

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com